sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Comendo a bunda da minha irmã


Corria o ano de 1987 , minha irmã então com 1...anos despertando como uma das ninfetas mais gostosas que já ví na vida, coxas grossas, seios médios e uma bunda de deixar qualquer um louco de tesão. Nas reuniões de família minha irmã era a prima que todos queriam brincar de esconder, apesar da sua idade meus tios sempre disputavam minha irma para colocala no colo, mesmo sabendo que ela já estava bem grandinha pra isso.
Ficavamos a tarde toda sozinhos em casa o que facilitou minha aproximação ao objeto do meu desejo, minha irmã e consequentemente minha perdição , sua enorme bunda, na escola meus colegas não perdoavam e eu era motivo de piada sempre envolvendo a minha irmã e a piadinha clássica era, tua irmã não tem uma bunda aquilo dali é um parque de diversões. Perdi a conta das inumeras vezes que me masturbei imaginando comer a minha irmã, era uma tara que crescia dia a dia de uma forma incontrolável.
Minha irmã gostava de andar em casa com short de malha sempre socados na bunda, nossa mãe as vezes chegava a chamar-lhe a atenção falando que podia chegar uma visita e ela não podia andar com este tipo de roupa, mas mal imaginava minha mãe que o perigo maior estava justamente dentro de casa.
Tudo começou um dia que resolvemos disputar força numa queda de braço, era um dia chuvoso, apesar do calor abafado do mês de dezembro , minha irmã perdeu pôr 3 vezes e pediu revanche , falei que tudo bem mas que nem se ela colocasse o peso da bunda encima do braço não me venceria e dei uma gargalhada, para minha surpresa ela falou a é, quero ver então e fez eu deitar no chão da sala e tentava com a bunda abaixar meu braço, mas obviamente ela perdeu o equilíbrio e caiu com a bunda encima da minha mão e aproveitei para meter um dedo no meio do rego dela, como o short era folgado meu dedo entrou facilmente e ela então falou, para seu tarado , daí respondi não sou tarado mas vc acha que alguém resiste a uma bunda dessas e dei outra gargalhada...ela para minha surpresa falou, vai dizer que nunca viu uma bunda como a minha e eu falei, grande e gostosa só tem a sua , e tomando coragem emendei, se vc não fosse minha irmã já tinha tentado comer essa bunda gostosa. Ela fez cara de brava e veio me bater, começamos então a lutar eu segurava os braços dela e ela caiu no sofá, aproveitei e virei ela de costas e fiquei pegando ela pôr trás com meu pau duro feito pedra do rego da bunda dela, o engraçado é que ela não tentava de soltar e ficamos naquele rala, rala pôr vários minutos até que resolvi fazer uma loucura e apertei a bunda da minha irmã, ela novamente me chamou de tarado mas não esboçou reação o que me encorajou a ser mais ousado e falei, agora quero ver essa bunda ao vivo e fui baixando o short dela, ela tentava impedir mas sem muita “vontade” e quando dei por mim tinha aquele rabo enorme na minha cara, cuzinho rosado piscando e uma xota linda com os labios vermelhos pedindo uma pica. Sem falar uma palavra fui lambendo sua bunda, coisa que provocou um choque elétrico no seu corpo, ela tremia e dizia palavras que não dava para entender...sem falarmos uma palavra, mas sabendo que a coisa não tinha volta ela ficou de quatro e lentamente fui encostando meu pau no cuzinho dela, até penetrala por completo e encher aquele rabo gostoso de leite, comi ela dos 1...aos 19 anos quando ela casou e foi morar no RJ, infelizmente hoje em dia nosso contato é pouco e nunca mais tive a oportunidade de comer a bunda mais gostosa que já vi na vida!
Quem curtir lance irmão/irmã e quizer trocar uma ideia pode add no MSN, inc21@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário ele é muito importante para melhorarmos cada vez mais o Blog.Se o comentario der como não enviado tente novamente é uma falha do blog, na segunda tentativa ele aceita.Obrigado!