quinta-feira, 1 de abril de 2010


Descoberta pelo meu irmão
Contos EróticosFamília
Eu sou a Thata, tenho 14 anos, cab loiros e olhos castanhos.
Comecei a transar no carnaval desse ano, e desde lá
q num paro mais. Isso q vou contar aconteceu no final
do mês passado. Eu tava atrasada pra aula de natação
e acabei deixando a agenda perto do computador... nela
tinha um disquete com um monte coisas minhas... e o
meu irmão acabou lendo... Ele ficou sabendo de
muita coisa... o pior é que ele acabou descobrindo
q a irmãzinha querida dele é uma puta...
Mas o problema nem foi a agenda, foi o que tava no disquete...
tinha mensagens, conversas, fotos e até sexo
virtual... Eu sempre fui muito cuidadosa, tenho até
um diário com cadeado... e depois de tanto cuidado...
o meu maior medo é se ele conta alguma coisa
pra minha irmã... Mas voltando.

Na sexta-feira seguinte eu tava chegando
da rua (tinha saído com o meu namorado). Daí
vim pro meu quarto (o computador fica aqui) e dei de
cara com o meu irmão. Ele é mais velho,
tem 22 anos. Ele tava na net e até se assustou
quando eu entrei... reparei o volume no short e fiquei
sorrindo pra ele com uma carinha de safada... eu tava
de vestido... Aí num falei nada e fui pra janela
e empinei a bunda. Acho que ele ficou me olhando...
daí ele veio e perguntou o que eu tanto olhava...
olha a desculpa... Ele ficou atrás de mim e senti
o pau na minha bunda. Começou a passar de leve
as mãos na minha coxa... foi levantando de leve
o vestido e eu comecei a gemer... com a outra mão
ele foi subindo até meus seios, ficou acariciando
e baixou a alça... o pau tava na minha bunda
e eu mexia... os dedos na minha xaninha... eu tava doidinha...
ele tirou o vestido, me deitou na cama e começou
a me chupar... Depois fui com a boca no pau dele...
eu chupava e ele falava um monte de coisa que me dava
mais tesão ainda.... "como é gostoso
fuder a sua boquinha... eu sei que você é
uma puta que adora chupar, e como chupa..."

E engoli toda a porra dele. Aí
ele disse que ia comer o meu cuzinho. Fiquei de quatro
e ele disse que ia me arrombar toda. Fiz charme, falei
pra ir devagar, só que ele veio com tudo. Parecia
que tava com raiva, me xingava... mas eu sentia carinho
na voz. Eu tava adorando, ele falou também do
tesão que sente por mim... Ele gozou e saiu do
quarto. Num falamos mais nada. Na semana seguinte nós
fomos
passar o fim de semana fora. E foi aí q tudo
aconteceu... Logo que chegamos em Petrópolis,
eu e o meu irmão fomos pra casa da minha prima,
q vou chamar de Gabi. Ela tem 16 anos. Íamos
sair eu, a Gabi, o Lipe (irmão dela) e o Rafa
(meu irmão), mas o meu primo não estava.
Ele tem 19 anos. Então ficamos na sala conversando
com meus tios. Depois eles foram dormir e ficamos os
três, eu, a Gabi e o Rafa. Aí resolvemos
assistir vídeo. Quando meu primo chegou já
eram quase 2h da manhã e o filme já estava
no final. Daí ele ficou com a gente e disse no
meu ouvido que estaria me esperando na garagem assim
que o filme terminasse. Logo que terminou ele desceu
pra garagem. Eu dei um tempo e fui atrás, deixando
a Gabi sozinha com o meu irmão. Então
o Lipe me encostou no carro e nos beijamos. Ele foi
com as mãos por dentro da minha saia e apertou
minha bunda, fazendo meu corpo colar com o dele. Sentia
o pau duríssimo roçar na minha xana e
cada vez os amassos ficavam mais intensos... ele ia
com as mãos por dentro da calcinha e me enfiava
os dedos... e depois que tirou minha blusa foi descendo
com a boca e beijando meu pescoço até
os seios... e voltou a beijar minha boca e aí
foi a minha vez de descer a lingua por aquele peito...
abri a calça dele e segurei o pau já melado...
eu tava doida pra chupar... Aí ele sentou no
capô e caí de boca naquela delícia.

Enquanto eu chupava tive a sensação
de q tinha alguém nos vendo... e esse alguém
só podia ser o meu irmão... aí
eu fiquei louca de tesão e engolia aquele pau
chupando cada vez mais e morrendo de vontade que ele
visse a irmãzinha dele sendo comida... eu falei
"me come agora", mas o Lipe disse que primeiro
ia me chupar. Foi a minha vez de sentar no capô
e ele veio com aquela lingua deliciosa... Ficou me chupando
e eu gozava e gemia alto... e falando pra ele me comer
logo. Até que ele meteu na minha xana e nessa
hora já não via mais nada... só
gemia, gritava, urrava... ele me mandava calar, mas
eu queria mesmo que meu irmão ouvisse e visse...
então ele gozou e nos beijamos... Nos vestimos
e ele disse que ia sair primeiro. Dei um tempo e subi
também. Quando cheguei na sala dei de cara com
o meu irmão e ele perguntou onde eu tava, só
que fiquei calada e olhei pra Gabi. Ela riu e disse
que ia subir pro quarto. Fui também e ela disse
sorrindo "vc é louca..." mas realmente
eu tinha me arriscado... e se meus tios ouvissem...
mas aquilo só tava começando... Então
desci, passei pelo meu irmão e saí da
casa. Ele perguntou "onde vc pensa que vai?"
e eu disse: "vc sabe" e fui pra garagem. Lá
eu empurrei ele pro mesmo carro e disse: "Eu sei
q vc viu... faz o que o Lipe fez comigo". Ele tentava
resistir, mas eu sabia que ele também queria.
E detalhe: eu tava sem calcinha. Então demos
o nosso primeiro beijo e falei: "me xinga, me come,
faz o que vc quiser". Ele sentou no capô
e caí de boca no pau dele. Engolia aquilo tudo
e deixava ele doido... Ele me chamava de puta, vadia
e sei lá mais o que... Daí ele me agarrou,
me fez deitar e começou a chupar minha grutinha...
ai, ele enfiava a lingua bem fundo... me esfregava no
rosto dele e gemia muito e falava "vai meu puto,
assim... não para... me fode toda..." Aí
ele colocou o pau entre as minhas pernas e quando entrou
eu vi estrelas... foi uma sensação muito
louca... eu dei um grito e ele abafou com um beijo.
Queria poder explicar o que senti, mas só dá
pra dizer que foi maravilhoso!! Gozei d+++ Ele gozou
e ficamos ali parados... eu achava q ele tava morto,
mas daí ele veio, me colocou de costas e meteu
na minha bunda. E fez isso com uma vontade... pra dizer
a verdade quem tava morta era eu, mas aguentei... e
senti ele gozar no meu cu. Mas o detalhe é que
já era a 3ª transa do dia... a 1ª tinha
sido com o meu namorado.

Depois q ele se vestiu e saiu eu ainda
tava chorando, mas só q isso ele não viu.
Foi incrível, inexplicável... De lá
pra cá transamos quase sempre. Um dia desses
eu passei pelo quarto dele, vi a porta aberta e entrei.
Ele tava deitado assistindo tv e sentei na cama na direção
do pau dele. Eu tava de shortinho e camiseta, sem nada
por baixo. Meus seios pareciam querer pular... Dei um
tempo e fui com mão por cima do short dele. Fiquei
alisando bem devagar.

Peguei a mão dele e coloquei
na minha coxa. Aí coloquei o pau dele pra fora
e fiquei masturbando. Logo senti a mão dele também
me masturbando. E fui pra cima dele e fizemos o 69.
Ele usava a lingua, os dedos... colocava na minha xana
e no cu. Aí eu levantei, peguei a camisinha,
vesti o pau dele e sentei... Fiquei subindo e descendo
até ele gozar. Depois tirei a camisinha e chupei
tudinho. Chegamos a conversar um pouco, ele disse q
se sente culpado, q tenta resistir, mas naum consegue.
Mas ainda num deu pra conversar direito. O estranho
é q ele tá diferente comigo desde o dia
em que descobriu sobre mim... não sei se é
raiva, ciúme... deve ser complicado pra ele,
um dia ele acha q a irmãzinha dele ainda é
virgem e no outro... ele me acha uma puta...

Quem quiser conversar sobre isso, vou
deixar um endereço:

thatasinha@zipmail.com.br

Um comentário:

Deixe seu comentário ele é muito importante para melhorarmos cada vez mais o Blog.Se o comentario der como não enviado tente novamente é uma falha do blog, na segunda tentativa ele aceita.Obrigado!