quinta-feira, 29 de abril de 2010

Minha mãe me flagrou comendo minha irmã


Meu nome é João Felipe e tenho 16 anos.Moro com minha mãe,Margarida,39 anos;meu pai Mauro,41 anos;e minha irmã,Vanessa,20 anos.Já contei a história da minha irmã ,na qual contei o triângulo sexual entre minha irmã e meu pai e minha irmã e eu.Agora vou contar a história de como fiz sexo com minha mãe. Minha mãe é muito bonita e gostosa.A cada ano que passa ela fica melhor.Ela com seu rosto lido e seu corpo escutulral:olhos azuis;cabelos lisos e ruivos;1,64 de altura;seios fartos e duros;cintura não tão fina(mais a sua barriguinha é linda);coxa grossa;e a bunda grande(igual ao da minha irmã).Eu não sentia atração por ela por ser minha mãe,mas depois de descobrir do relacionamento da minha irmã e do meu pai e depois do meu relacionamento com maninha.Eu passei a gostar de todo tipo de incesto.Já que mamãe é gostosa.Não é a toa que ela é gostosa:faz academia 2 vezes por semana.Minha mãe,Marga,fica muito gostosa quando veste aquelas malhas de ginástica.Certo dia,ela estava me levando para escola e estava usando uma dessa malhas.Eu aproveitei que estava com a mochila no colo e tive uma ereção.Já que ela não poderia ver o meu pau duro mesmo.Só que à medida que via os contornos das suas lindas coxas e até mesmo o contorno da sua xana,apertei a mochila conta o meu pau e gozei perdendo o ar.Minha mãe percebeu e perguntou o que era.Respondi constrangido que tinha perdido o ar.Ela nada disse.Em uma manhã,eu estava acordando e escuto o barulho do chuveiro,era minha mãe tomando banho.Corro para a porta do banheiro que estava fechada,mas não trancada.Pois minha mãe com certeza,não trancou a porta porque eu estava dormindo e não tinha ninguém em casa.Ela poderia ficar a vontade,sem contar com a possibilidade de eu acordar,pois tenho o sono pesado e acordo bem tarde.Mas nesse dia eu não conseguia dormir e me levantei.Olho pela fresta da porta,pois ela não poderia escutar os rangidos da porta abrindo já que o barulho do chuveiro é mais forte.Vejo os contornos do seu lindo corpo nú.Sua linda xaninha semidepilada.Meu pau ficou como uma pedra.Ela começou a esfregar a buceta com o sabonete.Eu não agüentei o tesão e gozei soltando uma pequena quantidade de porra na porta.Não me preocupei com o fato de Marga,minha mãe ver a porra na porta,pois achei que ela não perceberia.Mas percebeu quando sairia do banheiro.Ela me perguntou o que era aquilo.Eu que ainda estava por perto respondi que não sabia.Ela disse que parecia leite condensado ou esperma.Eu que estava por perto comecei a tremer de medo,pois pensei que ela suspeitaria de mim.Eu faço sexo casualmente com a maninha,mas com mãe é diferente,pois eu não sei como ela reagiria se eu a chamasse para trepar.Isso foi superado.Alguns dias depois,esta eu e Vanessa em casa sozinhos,pois meu pai foi trabalhar e minha mãe foi ao supermercado.Fomos nadar na piscina para "brincar" um pouco.Depois de metelão federal na piscina fomos fazer um sexo anal beira da piscina.Peguei o gel lubrificante e passei no pau e em seguida no dedo médio.Não podíamos ficar sem o lubrificador,para não entalar como na primeira vez.Maninha com sua linda bunda ficou de quatro.Introduzi o dedo médio naquele cuzão.Em seguida meti meu pau duro dentro do cú de Vanessa.Ela gemia e se masturbava com a mão direita.Seu cú estava mais fácil de penetrar,pois eu estava metendo bastante nele ultimamente.Quando gozo,vejo minha mãe nos olhando pela janela.Ao perceber que eu estava olhando para ela,saiu correndo.Eu não disse nada à Vanessa.De noite,fiquei esperando Marga chegar.Quando chegou,minha irmã tinha saído com uma amigas e o meu pai não tinha chegado do trabalho(e só chegaria bem mais tarde,pois iria fazer hora extra).Seria o momento bom para conversar com minha mãe.Minha mãe veio brava e chorando.Me deu um sermão e disse que iria contar para o meu pai.Eu meio irônico disse que ele não poderia fazer nada,pois ele faz a mesma coisa com a Vanessa.Minha mãe ficou chocada e começou a chorar.Disse que sempre desconfiava.Ela correu para o quarto dela.Eu fui atrás.Marga disse para eu sair do quarto dela,eu não obedeci.Ela dizia que iria se separar e expulsaria Vanessa de casa.Eu comecei a defender Vanessa,dizendo que ela foi forçada desde os 11 anos e não tinha culpa.Minha mãe chorou mais ainda.Ela que estava sentada na cama me abraçou,sendo que eu estava em pé.Não era o momento propício,mas ao perceber que o meu pau estava encostado nos fartos seios de minha mãe,fiquei excitado na hora.Marga percebeu.Pensei que ela iria me dar uma bronca,mas não.Ela pegou o meu pau através da calça e disse que o meu pau era grande.Falou que o meu pai não dava no coro e quando tentava brochava.Eu percebi que ele era brocha,quando não conseguia gozar na gostosa da maninha.Deu uma risada de puta.Tirou o meu pau para fora da calça e começou uma suave punheta.Depois começou mais forte.Chegou um momento que eu não agüentei e gozei na cara da puta veia.A porra sujou seu lindo rosto.Entrou porra até nos seus olhos azuis.Ela ainda sorrindo começou a mamar ,tirando assim os vestígio de porra que ficou no meu pau.Mamou feito uma puta profissional,recuperando o meu tesão.Ela tirou a blusa mostrando seus grandes seios.Pegou o meu pau e começou uma espanhola.Ela disse que iria devagar,pois queria que sobrasse um pouco de porra para ela.Depois da espanhola ela me perguntou se eu sabia chupar uma buceta.eu disse que Vanessa adora quando eu faço isso com ela.Minha pegou a minha mão e pôs por dentro da calça dela em cima da buceta.Percebi que o grelo dela era maior do que o de Vanessa.Fiquei louco,tirei a calça dela e comecei a chupá-lo.Ela gemia e se contorcia.Mas ela antes de gozar pediu para eu parar.Em seguida pediu para eu sentar na cama.Logo em seguida sentou no meu colo encaixando a buceta no meu pau.E começou a beijar minha boca.Eu deixei de beijar sua boca e comecei a chupar seus seios.Ela cada vez mais aumentava o ritmo da cavalgada.Ela dizia palavrões,chamava meu pai de corno,me xingava,xingava minha irmã de puta etc.Gozamos.Depois disso minha mãe me pediu para eu fazer o que estava fazendo com a Vanessa na piscina.Ela disse que sempre quis dar o cú,mas o meu pai não gostava.Mas então peguei o gel no meu quarto,minha mãe que já estava completamente nua ficou de quatro.Seu cú era tão lindo quanto ao de Vanessa.Depois de lubrificar o cú dela e o meu pau,comecei a bombar.O cú dela estava fechadinho e eu fui rasgando suas pregas.Ela gemi de dor e eu mesmo masturbava sua buceta com a minha mão esquerda.Margo adorou.Gozei primeiro,mas continuei masturbava a puta da mamãe.Até que ela gozou também.Hoje eu ainda como as duas.Principalmente depois que o meu pai se tornou brocha de vez.Tanto maninha quanto mamãe vêm me procurar sedentas de sexo.FIM.

13 comentários:

  1. cara vc é sinistro quero comer minha irmã casada porém insatisfeita de 26 anos muito gostosa não sei como chegar nela me ajuda ai?Há eu tenho 14 anos!!!!!!!!!!!!1valeu

    ResponderExcluir
  2. me da o telefona de sua mãe squela puta!

    ResponderExcluir
  3. passa o telefone da sua mãe ai quela gostosa

    ResponderExcluir
  4. quero comer ua mãe tambem parece ser muito gostosa

    ResponderExcluir
  5. Nossa que delicia na minha mãe não sei se teria
    coragem mais na minha irma eu ja meti gostoso

    ResponderExcluir
  6. seria legal um conto com toda a familia junta se comendo

    ResponderExcluir
  7. vc vai é pro inferno seu capeta la é o seu lugar..
    que historia é essa de comer irmã e mãe..
    isso ai é demonio puro.. vai pra la satan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ha sim e vc ta aki nesse site por q nao tem o mesmo tipo de atraçao
      a vai se fude, ta num site de incesto e ké fala dos usuarios...

      Excluir
  8. tambêm.tenho 12 anos e quero comer a minha irmã de 24 anos mais não sei como vou fazer isso.

    ResponderExcluir
  9. coloca vidio de uma depois da outra e depois das duas

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário ele é muito importante para melhorarmos cada vez mais o Blog.Se o comentario der como não enviado tente novamente é uma falha do blog, na segunda tentativa ele aceita.Obrigado!